A produção de conteúdo para site é uma estratégia excelente na atração de leads e posicionamento da marca no mundo virtual. Através da produção de conteúdo com foco em SEO, uma marca trabalha a sua visibilidade, educa os seus clientes e, consequentemente, passa a também vender mais. O conteúdo é uma peça-chave para toda e qualquer empresa que quer ter sucesso no mercado

No entanto, não basta apenas investir na criação de site e passar a produzir conteúdos. É preciso também ter um plano estratégico de distribuição do conteúdo em outras plataformas. As redes sociais, por exemplo, podem ser boas fontes de atração de tráfego para o site da sua empresa. Por isso, saber como aproveitá-las é essencial para atingir bons resultados. Se sente ainda perdido sobre como realizar essa distribuição? Vamos às dicas! 

 

 

 

 

Formatos de distribuição de conteúdo

 

Uma estratégia de marketing de SEO bem estruturada, leva em conta que o destino final da produção de conteúdo não é permanecer apenas no site. Mas sim, conseguir ser direcionado para outros canais. Nesse sentido, é fundamental que a sua estratégia esteja alinhada em todos os canais de comunicação do seu negócio. Veja algumas formas de aproveitar os conteúdos:

 

 

 

No Facebook e Instagram:

 

Se você estiver estudando uma forma de atrelar a produção de conteúdo do seu site às redes sociais da sua empresa, o Facebook e Instagram podem ser seus aliados. O Facebook, por exemplo, gera um link direto para a página do conteúdo que você desejar. Diferente dele, o Instagram não permite link nas publicações, mas uma forma de fazer com que ele gere acesso aos conteúdos do seu site é através da disponibilização do link na biografia. Essas são formas mais simples e diretas de divulgação dos conteúdos.

Além delas, você pode pode alinhar o conteúdo das suas redes sociais, fazendo com que eles sejam pontes para algo a ser discutido mais detalhadamente em um post no seu site. Por exemplo, se você possui uma loja de roupas, ao chegar uma nova coleção com a tendência da estação, podem ser publicadas fotos dos produtos em postagens variadas no feed. E, atrelado a isso, ser indicado um link com dicas de uso e combinação em um post no site. O que a sua empresa estará fazendo? Gerando tráfego para o site, através da curiosidade dos leads que desejarem saber mais sobre o assunto acessando ao link.  

 

 

 

No Youtube:

 

Algumas empresas ainda ficam um pouco receosas sobre como produzir conteúdo para o YouTube. Isso porque, diferente do Facebook e Instagram, no YouTube não existem tantas possibilidades de formatos de conteúdo assim. É necessário ser apenas vídeo e demanda um pouco mais de recursos de gravação e edição. Ainda assim, vale a pena avaliar a possibilidade de contar com uma agência de publicidade e propaganda para auxiliar na produção e gestão de conteúdos para a plataforma.

Mas como alinhar o conteúdo do YouTube com o do site da empresa? Assim como no exemplo anterior, tudo depende da criatividade da sua equipe de Marketing. Do mesmo modo que no Instagram podem ser postados apenas gatilhos de produtos, conduzindo posteriormente para o site. No Youtube, podem ser gravados uma série de vídeos sobre assuntos já trabalhados em conteúdos extensos no site

Por exemplo: no Facebook, eu posso ter um post dando uma dica da importância do Marketing de SEO, disponibilizando o link de um conteúdo mais extenso no site, descrevendo mais detalhadamente sobre como a técnica pode ser realizada. E, no Youtube, trazer uma série curta com um especialista, dando 3 dicas para começar a trabalhar o Marketing de SEO nas empresas, disponibilizando também na legenda outros conteúdos no site que complementam o assunto abordado. Percebe como a comunicação está alinhada e a distribuição de conteúdo presente em redes sociais diferentes? A possibilidade de tráfego aumenta. 

 

 

 

No WhatsApp e Telegram:

 

Sim, é possível também utilizar essas redes para distribuir conteúdos do site da sua empresa. O Telegram, atualmente, tem sido uma das redes mais utilizadas para criar grupos. Isso porque, diferente do WhatsApp, nele há a possibilidade de ter até 200 mil usuários por grupo. Além disso, os novos participantes conseguem ter acesso a todo o conteúdo postado anteriormente, mesmo tendo entrado depois. 

Mas como aproveitar ambos para atrair tráfego para conteúdos do site da sua empresa? É simples: tendo um grupo vip para atualizar os participantes com conteúdos exclusivos sobre um determinado assunto. No nosso caso, por exemplo, ter um grupo para discutir mais sobre o Marketing de SEO. Ali estarão pessoas interessadas no assunto e, portanto, com maior probabilidade de acessá-los sempre que for postado. 

 

 

 

Agora, imagine a sua empresa colocando todas essas dicas em ação. Certamente, diferenças poderão ser notadas a médio e longo prazo no tráfego do site. Então, não perca tempo e já comece a colocar em prática!